Universidade Estácio de Sá Entre no Campus Virtual





Fale Conosco Página Principal



PROCESSO DE SELEÇÃO DE DOCENTES PARA O CURSO DE GRADUAÇÃO EM DIREITO

VI – PROVAS

6.1 – O processo de seleção compreenderá as seguintes etapas:

a)  Prova escrita
b)  Prova de aula
c)  Entrevista e oferta de turmas ao candidato

6.2 – A prova escrita consistirá de questões dissertativas e terá caráter eliminatório, atribuindo-se a ela 10,0 como pontuação máxima. Terá a duração de 5 horas e será composta de três partes: a primeira envolvendo conhecimentos da área do ensino jurídico (2,0 pontos); a segunda, questões pedagógicas aplicadas ao Direito (3,0 pontos); e a terceira, conteúdo específico da área jurídica escolhida (5,0 pontos).

§ 1° - Para ser aprovado, o candidato deverá obter, no mínimo, grau 7,0; caso contrário, não poderá participar do restante do processo. Nessa primeira etapa, o candidato deverá demonstrar conhecimento profundo e atualizado da matéria jurídica, clareza de exposição, capacidade de síntese e de ordenação lógica de pensamento, além de conhecimentos sobre as questões didático-pedagógicas aplicáveis ao ensino superior.

§ 2° - Será permitida, nesta etapa, consulta apenas à legislação seca.

6.3 – A prova de aula consistirá na apresentação de 50 minutos sobre tema sorteado com 24 horas de antecedência e será realizada na ordem de classificação na prova escrita, até o limite de 20 candidatos por área. Na ocasião, os membros da banca examinadora poderão formular perguntas pertinentes ao tema.

§ 1° - No ato da realização da prova de aula, o candidato deverá disponibilizar para a banca examinadora o seu “plano de aula”, conforme Anexo II.

§ 2º - Para o sorteio, a Comissão de Seleção elaborará lista de, no mínimo, seis temas correspondentes a assuntos contidos no programa.

§ 3° - Na prova de aula, o candidato deverá demonstrar:
                                     
a)   capacidade de comunicação
b)   atualização e profundidade de conhecimentos teóricos e práticos
c)   precisão no domínio do tema
d)   fluência verbal
e)  correção e adequação da linguagem
f)   domínio dos aspectos didáticos aplicáveis à situação de aprendizagem

§ 4º - É vedado a qualquer candidato assistir à aula ministrada por outro participante do Processo. 

6.4 – A prova de aula terá caráter eliminatório, com grau mínimo de 7,0 para aprovação, sendo 10,0 a pontuação máxima. É vedado ao candidato com grau inferior a 7,0 passar à fase seguinte do processo.

6.5 – Os candidatos serão convocados, de acordo com a classificação obtida nas etapas anteriores, para oferta de turmas e definição de horário e local de trabalho (campus), até que todas as vagas oferecidas neste processo seletivo sejam preenchidas. Nessa oportunidade, a Comissão de Seleção fará uma entrevista prévia com os candidatos, que terá caráter eliminatório.

§ 1° - Eventual atraso na chegada do candidato para a etapa da oferta de turmas poderá implicar a alteração da ordem estabelecida em razão da classificação.

§ 2° - Passada a etapa da prova de aula, a titulação acadêmica do candidato será utilizada como critério de desempate.

6.6 – A aprovação no processo de seleção dependerá da aceitação pelo candidato da oferta da Universidade mencionada no item anterior.


VII – APROVAÇÃO

7.1 – Será considerado aprovado o candidato que:

a) obtiver média aritmética igual ou superior a 7,0, considerando-se as notas das provas escritas e da prova de aula. Na hipótese de empate, adotar-se-á como critério para classificação a titulação acadêmica, o tempo de formado e a experiência profissional, respectivamente
b) for considerado recomendado, na entrevista, pela Comissão de Seleção
c) tiver disponibilidade imediata para ocupar a vaga nas condições oferecidas
d) apresentar toda a documentação relacionada no item 3.1
e) comparecer ao programa de capacitação docente

[voltar]

 

Formas de Ingresso Atendimento OnLine